Coliseu

from Trey Ratcliff at www.stuckincustoms.com

No sonho eu usava chapéu
E tudo cresceu num papel
E nós fomos voltando
Enquanto todo mundo ia
E o dia nascia no céu

O meu coração coliseu
Logo conheceu o apogeu
E foi marcando o tempo
Num tom de taquicardia
E o dia sumia no breu

Pode embalar meu silêncio com jornais
Eu vou enfrentar nossos dias desiguais
E me esforçar pra fazer o melhor

De júri passei a ser réu
E um doce com sabor de mel
Desceu da minha boca
Entrou bem nos seus ouvidos
E perdidos dormimos ao léu

Juramos lutar pra vencer
Chegamos a nos convencer
Mas o tempo é infalível
Senhor da sinceridade
Verdades que eu tento esquecer

Pode embalar meu silêncio com jornais
Eu vou enfrentar nossos dias desiguais
E me esforçar pra fazer o melhor

Anúncios
Published in: on dezembro 1, 2014 at 11:40 pm  Deixe um comentário  
Tags: , ,